Resenha: Simplesmente o Paraíso - Quarteto Smythe-Smith #1 Resenha: Uma Lição de Vida Resenha: Era uma Vez no Outono Resenha: Secrets and Lies
0

Um Menino em Um Milhão – Uma amizade inusitada



Título Original: The One-In-A-Million Boy
Autor: Monica Wood
Editora: Arqueiro
Ano: 2017
Páginas: 352
Nota: 4/5


Sinopse: 104 anos, 133 dias e um amigo Quinn Porter é um guitarrista de meia-idade que nunca conseguiu deslanchar na carreira. Enquanto aguardava sua grande chance na música, foi um marido e pai ausente, e jamais conseguiu estabelecer um vínculo afetivo com o filho, uma criança obcecada pelo Livro dos Recordes e algumas peculiares coleções. Quando o menino morre inesperadamente, alguém precisa substituí-lo em sua tarefa de escoteiro: as visitas semanais à astuta Ona Vitkus, uma centenária imigrante lituana. Quinn assume então o compromisso do filho durante os sete sábados seguintes e tenta ajudar Ona a obter o ­recorde de Motorista Habilitada Mais Velha. Através do convívio com a idosa, ele descobre aos poucos o filho que nunca conheceu, um menino generoso, sempre disposto a escutar e transformar a vida da sua inusitada amiga. Juntos, os dois encontrarão na amizade uma nova razão para viver.

É uma obra difícil de definir, por um lado sensível, poético e bem-humorado, e por outro triste, abordando o luto e luta pela aceitação de seus erros. Por isso, por mais que concorde (ou não) com minha visão, seria interessante que se não o leu ainda, faça o mais rápido possível.

0

Boneco de pano: Muitas vítimas e um perigoso assassino

Editora: Arqueiro
Ano: 2017
Páginas: 336
Nota: 4,5/5
Sinopse: O polêmico detetive William Fawkes, conhecido como Wolf, acaba de voltar à ativa depois de meses em tratamento psicológico por conta de uma tentativa de agressão. Ansioso por um caso importante, ele acredita que está diante da grande chance de sua carreira quando Emily Baxter, sua amiga e ex-parceira de trabalho, pede a sua ajuda na investigação de um assassinato. O cadáver é composto por partes do corpo de seis pessoas, costuradas de forma a imitar um boneco de pano e
uma lista com o nome de seis pessoas – e as datas em que o assassino pretende matar cada uma delas para montar o próximo boneco.
Este é o livro de estreia do britânico Daniel Cole, e é uma estreia mais que satisfatória, embora a história tenha sido criada para ser uma série de Tv, ela foi muito bem adaptada em livro e posso falar que é uma história muito curiosa e que consegue prender a atenção do leitor.

0

Irmãos de Sangue – A sina do sete #1 – Suspense, misticismo e romance entrelaçados


Autor: Nora Roberts
Editora: Arqueiro
Ano: 2017
Páginas: 288
Nota: 4,5/5
Sinopse: A misteriosa Pedra Pagã sempre foi um local proibido na floresta Hawkins. Por isso mesmo, é o lugar ideal para três garotos de 10 anos acamparem escondidos e firmarem um pacto de irmandade. O que Caleb, Fox e Gage não imaginavam é que ganhariam poderes sobrenaturais e libertariam uma força demoníaca. Desde então, a cada sete anos, a partir do sétimo dia do sétimo mês, acontecimentos estranhos ocorrem em Hawkins Hollow. No período de uma semana, famílias são destruídas e amigos se voltam uns contra os outros em meio a um inferno na Terra.
Logo no início de Irmãos de Sangue, somos levados ao tempo dos peregrinos americanos, especificamente à cabana de Giles Dent, um bruxo. Toda a história do primeiro livro da trilogia da sina do Sete gira em torno do que acontece naquela cabana de Dent e de seu relacionamento com sua ama Ann Hawkins, mãe de seus filhos e filha do fundador da cidade.

9

A Cruz de Fogo Parte 1 – A quem ser leal?

Autor: Diana Gabaldon
Editora: Arqueiro
Ano: 2017
Páginas: 720
Nota: 4/5
Na Carolina do Norte, conserva-se a duras penas um frágil equilíbrio entre a aristocracia colonial e os esforçados pioneiros. E entre esses dois lados prestes a entrar em conflito está Jamie Fraser, um homem de honra exilado de sua amada Escócia. Convocado a liderar uma milícia para conter as insurgências, ele sabe que quebrar o juramento que fez à Coroa inglesa o tornará um traidor, mas mantê-lo será a certeza de sua ruína.
A guerra se aproxima, garantiu-lhe sua esposa, Claire Randall. E, mesmo não querendo acreditar nesse triste futuro, Jamie Fraser está ciente de que não pode ignorar o conhecimento que só uma viajante do tempo poderia ter. Afinal, a visão única de Claire já os colocou em risco, mas também lhes trouxe salvação.
No quinto livro de Diana Gabaldon da série Outlander, retornamos à América de 1770.
Claire e Jamie, Brianna e Roger já estão instalados na cordilheira há um bom tempo, mas quando eles pensam que poderão viver sossegados, são lembrados pelo destino que isso é um luxo que não lhes pertencem, e um novo perigo os ronda: A Independência Americana.

6

Ex Machina: Instinto Artificial – Uma provocante reflexão



Ex Machina: Ex Machina, 2015
Direção: Alex Garland
Roteiro: Alex Garland
Ano: 2015

Duração: 108 min

Sinopse: Caleb (Domhnall Gleeson), um jovem programador de computadores, ganha um concurso na empresa onde trabalha para passar uma semana na casa de Nathan Bateman (Oscar Isaac), o brilhante e recluso presidente da companhia. Após sua chegada, Caleb percebe que foi o escolhido para participar de um teste com a última criação de Nathan: Ava (Alicia Vikander), uma robô com inteligência artificial.


Feito apenas para DVD, esse filme era desconhecido até ser adquirido pela Netflix recentemente, e só posso dizer que a empresa norte-americana acertou novamente em trazer mais um produto de qualidade para o seu público.

7

Análise da Musica “Fala aqui com a minha mão”


Composta por Dyeguinho Silva e Kinho Chefão, essa música é um dos grandes sucessos do cantor Wesley Safadão, que anda tocando nas rádios de todo o Brasil. O problema é que muita gente, e mulheres incluindo, cantam numa boa sem prestarem atenção na letra e acabam assim por naturalizar um dos grandes problemas femininos que envergonham o nosso país.

1

Simplesmente o Paraíso – Quarteto Smythe-Smith #1: Timidez, família e amor.


Autor: Julia Quinn
Editora: Arqueiro
Ano: 2017
Páginas: 272
Nota: 4/5

Sinopse: Honoria Smythe-Smith é parte do famoso quarteto musical Smythe-Smith, embora não se engane e saiba que o dito quarteto carece sequer do menor sentido musical e tem esperanças postas que esta seja a última vez que se submeta a semelhante humilhação. Esta será sua temporada e com um pouco de sorte conseguirá um marido. Marcus Holroyd é o melhor amigo do irmão de Honoria, Daniel, que vive exilado na Italia. Ele prometeu olhar por ela e leva suas responsabilidades muito seriamente. Honoria e Marcus compartilham uma amizade, pouco atípica, fruto dos anos que se conhecem e que o torna parte da família. Entretanto, um desafortunado acidente faz que ambos repensem sua relação e encontrem a maneira de confrontar o que surge entre eles, se tiverem coragem suficiente.
Ambientada no mesmo universo da série dos Bridgertons, esperei com ansiedade para conhecer mais sobre as Smithe-Smith, já tão famosas na primeira série da autora por seus quartetos desafinados. Creio que quem está familiarizado com a família Bridgerton também irá compartilhar do mesmo sentimento de “estar em casa” lendo os volumes dessa nova série, há muito em comum entre ambas.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...