Resenha: Simplesmente o Paraíso - Quarteto Smythe-Smith #1 Resenha: Uma Lição de Vida Resenha: Era uma Vez no Outono Resenha: Secrets and Lies
8

Aberturas de séries #1: Anos 60/70


Quem nunca associou uma música a uma série de TV ou um filme que atire a primeira pedra. Algumas canções podem até não ser muito conhecidas, mas são lembradas com muito carinho pelo público em geral justamente por aquele programa específico.

As aberturas das séries de televisão são fundamentais para a essência do programa e não há nada melhor do que esperar aquela musiquinha começar com os personagens passando em câmera rápida. 


Como são vários estilos e tantas aberturas inesquecíveis em várias décadas, decidi reunir as aberturas em uma série de posts, começando com as décadas de 60 e 70! Enquanto o movimento hippie a discoteca animavam os jovens e adultos nas boates, a televisão estava a mil por hora. Vejam só:


1- Família Addams

                         


Acompanhar a vida de Mortícia, Vandinha, Gomez, Feioso, Tio Chico, Primo Coisa e Mãozinha só não era mais legal do que acompanhá-los na abertura estralando os dedos. É muito alucinante, arrepiante chocante! Essa família maravilhosa, repleta de hábitos estranhos, teve duas temporadas e foi ao ar pela primeira vez em 1966.

2- Batman           

                          

O formato da abertura em animação foi uma ótima escolha para inserir a dupla dinâmica Batman e Robin e os vilões de Gotham City, seguida de socos inspirados nas HQ’s. A música é sensacional e é lembrada pelos fãs do homem morcego até hoje, cerca de 50 anos depois. Magnífico.

3- As Panteras

                          


Muitos conhecem As Panteras pelo filme norte-americano de 2000 e pela sua sequência, estrelado pelas atrizes Cameron Diaz, Drew Barrymore e Lucy Liu. Só que a história de três moças bonitas e inteligentes que trabalham na Agência de Detetives Charles Townsend, lideradas por um chefe que nunca mostra o rosto, é bem antiga! Produzida por Aaron Spelling e Leonard Goldberg, a série teve cinco temporadas, exibidas de 1976 a 2011. A sétima e última temporada teve produção de Drew Barrymore. Wow!

4- Sítio do Pica Pau Amarelo

                          

Queria muito ter assistido a versão do Sítio dos anos 70, uma das mais lembradas e queridas pelos mais saudosistas. Escrita por Benedito Rui Barbosa, Maria Clara Machado, Lúcia Machado de Almeida Luis Fernando Veríssimo não tinha como dar errado. A abertura é interessante, pois mostra uma pessoa (aparentemente uma criança) folheando as páginas do livro de Monteiro Lobato e o espaço de algumas figuras é preenchido com imagens do programa.


5- Mulher Maravilha

                         

A série baseada nas histórias em quadrinhos da DC Comics sobre a super-heroína foi um enorme sucesso na década de 70 e fez com que a Mulher Maravilha ganhasse uma legião de fãs em todo o mundo. A atriz Lynda Carter é lembrada até hoje pelo papel, principalmente pelo uniforme clássico e suas armas.

6- Jeannie é Um Gênio

                         

Esse programa maravilhoso foi criado pelo escritor Sidney Sheldon e transmitido entre 1965 e 1970. A série conta a história de Jeannie e seu “amo”, o capitão Nelson, que a encontrou dentro de uma garrafa em uma ilha (esse momento é representado na abertura em versão animada). O tema musical é bem famoso e foi composto por Buddy Kaye e Hugo Montenegro.

7- A Feiticeira

                          


Assim como em Jeannie é Um Gênio, a abertura também é em formato de animação e mostra a característica mais marcante da bruxa Samantha: a mexidinha do nariz.  Ela é casada e tem dois filhos, mas seu marido ignora seus poderes e prefere que Samantha não os use. Dilema total para ela que tenta levar a vida da forma mais simples possível e sem magia. Exibida entre 1964 e 1972, a série teve oito temporadas, e em 2005, ganhou uma versão cinematográfica estrelada por Nicole Kidman.

8- Chaves
                           


O programa mexicano coleciona fãs de todas as gerações desde 1971, ano em que o seriado foi ao ar pela primeira vez. A abertura acima é uma das mais antigas e ainda não tinha a famosa música “Lá vem o Chaves, Chaves, Chaves. Todos atentos olhando pra TV”, mas não deixa de ser bacana.

Menções honrosas: Além da Imaginação, A Mulher Biônica, O Incrível Hulk, Agente 86 e Star Trek.

8 comentários:

  1. Faltou Star Trek aí, uma das minhas favoritas! Adorava essa da feiticeira também.

    ResponderExcluir
  2. Coloquei ali em menções honrosas ou então esse post não acabaria mais HSAJHGAGHAJGAJSIAJGA Eu também :))

    ResponderExcluir
  3. Nossa, relembrei minha infância! Perfeito Gabriela! :)

    ResponderExcluir
  4. Não assistia nenhuma dessas, fora Chaves, uma vez ou outra. Assistia muita Disney e Nickelodeon, e até hoje gosto de relembrar algumas aberturas e séries que assistia. Dá uma vontade que reprisem!

    Clara
    @clarabsantos
    clarabeatrizsantos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Clara. Ah, que pena.. Assisti quase todas da lista e são todas bem legais, assim como as aberturas :D Acho que algumas passam até hoje em um canal aberto, se procurar provavelmente deve achar na internet. Disney e Nick são clássicos, adoro!

      Excluir
  5. Parabéns Gabriela pelo brilhante trabalho!!! Assisti o Sitío do Pica Pau Amarelo ( nenhuma versão se compara à essa dos anos 70, muito boa) assisti também alguns episódios de A Feitiçeira e Jeannie é um Gênio, e por último ( mas não menos importante, o Clássico Chaves)! Esse trabalho belíssimo é imprescindível para que a geração presente e futura possam ter um pouco desse privilégio sobre essas obras primas... Ótimo trabalho Gabriela!!! Abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada pelo comentário! hahahaha Nem fala isso, pois tenho muita vontade de assistir essa versão. É sempre bom relembrar essas séries antigas, gosto muito de assisti-las. Abraços! E obrigada novamente :)

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...