Resenha: Simplesmente o Paraíso - Quarteto Smythe-Smith #1 Resenha: Uma Lição de Vida Resenha: Era uma Vez no Outono Resenha: Secrets and Lies
2

Semana Proibido - Como uma coisa tão errada pode parecer tão certa?



O livro Proibido possui várias passagens com uma descrição quase que poética, é possível sentir a dor dos personagens e sofrer com eles.

A autora Tabitha Suzuma afirmou em uma entrevista sofrer de depressão e que escrever faz parte de seu tratamento de cura, em seus livros ela se obriga a dissecar detalhes do que está sentindo e encaixar na dor dos personagens. Provavelmente, é por isso que seu texto é tão forte e profundo.


Seguem quotes do livro:
“Só com Maya posso realmente ser eu mesmo. Nós carregamos esse fardo juntos e ela está sempre ao meu lado, sempre ao meu lado. Não quero precisar dela, depender dela, mas preciso e dependo, não resta a menor dúvida."
"Mas como explicar ao mundo exterior que Lochan e eu somos irmãos apenas por causa de acidente biológico? Que nunca fomos irmãos na acepção da palavra, mas sempre parceiros, tendo que criar uma família real à medida que crescíamos? Como explicar que jamais senti Lochan como irmão e sim como algo muito, muito além disso — minha alma gêmea, meu melhor amigo, parte das próprias fibras do meu ser? Como explicar essa situação, o amor que sentimos um pelo outro — tudo que aos olhos da sociedade pode parecer doentio, pervertido e repulsivo —, para nós é totalmente natural, maravilhoso e.. tão certo?"
"Juntos choramos e confortamos um ao outro. Juntos carregamos um fardo inexplicável aos olhos do mundo. Demos força um aos outro. Sempre nos amamos, e agora queremos poder nos amar fisicamente também."
"No fim das contas, o que importa mesmo é o quanto você pode suportar, o quanto pode resistir. Juntos, não fazemos mal a ninguém; separados, nós definhamos."
"Você sempre foi meu melhor amigo, minha alma gêmea, e agora eu estou apaixonada por você também. Por que isso é um crime?"
“Você pode fechar os olhos para as coisas que não quer ver, mas não pode fechar o coração para as coisas que não quer sentir”.
"Nosso amor realmente estava destinado a causar tanta desgraça, tanta destruição e desespero?"
Acompanhem com a gente a semana Proibido, a cada dia mais um pouquinho dessa história tão comovente.

2 comentários:

  1. Oi Gi :) vou colocar na minha lista, o unico livro da valentina que eu li foi Não pare! 1que eu gostei mas não amei

    xx Lexie
    EstanteEsquematizada.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Oie!

    Este livro da Valentina é PERFEITO!
    Amei poder ler Proibido! Lindo!

    Beijos!
    Participe da TAG Livros e Travessuras do Irmãos Livreiros

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...